(41) 9911-0990
rafa.inda@hotmail.com
Atendimento Particular e Amil

sep

O sintoma: uma diferença de perspectiva

Há uma diferença importante quando um paciente se consulta com um psiquiatra e quando se consulta com um psicólogo norteado pela teoria psicanalítica. Tal diferença relaciona-se às implicações de diferentes concepções de sujeito e de sintoma entre as duas disciplinas. Para a medicina, o sintoma está anexado a alguma coisa detectável no organismo, o que possibilita ao médico dizer com seu saber uma doença em questão. Desta forma, para a psiquiatria, o sintoma evidencia uma alteração de função, uma patologia. O diagnóstico viria significando a representação dessa suposta doença identificada pelo profissional quando este encaixa o paciente em uma verdade exterior. O diagnóstico é então uma junção de sintomas que representa o sujeito diagnosticado. Já na psicanálise, não exatamente o sintoma é...

Continue

Normalidade ou loucura?

A tristeza inevitável do luto pela perda de uma pessoa querida, o comer excessivamente e as mudanças de humor repentinas em crianças e adolescentes já não são mais consideradas reações naturais dos seres humanos. Segundo a nova edição do Diagnostic and Statistical Manual of Mental Disorders (Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais), tais comportamentos passam a ser considerados transtornos mentais. O DSM, considerado a “Bíblia da Psiquiatria”, é a principal fonte de estudos e referências para médicos. Ou seja, qualquer mudança no documento traz reflexos no trabalho de consultórios, hospitais, clínicas e laboratórios do mundo inteiro. A nova versão, apresentada em maio deste ano, traz novas doenças e outras importantes mudanças no mundo da psiquiatria.. Estas novidades troux...

Continue

sep-footer

Padre Anchieta, 1846, sala 506 – 5ª andar | Edificio Biocentro
Curitiba - PR | (41) 9911-0990 | rafa.inda@hotmail.com | Atendimento Particular e Amil

assinatura-explay